Qualquer um destes nomes significa a mesma coisa, ou seja, um problema de desgaste no osso. Não importa o que levou a este desgaste, se foi uma inflamação ou não, o que importa é que o osso começou a se degenerar. O que é possível fazer é retardar a evolução da doença

A artrite, artrose ou osteoartrose ocorre nas articulações, onde um osso encaixa com o outro e, provoca a destruição óssea. Afeta quase sempre as articulações que suportam o peso, ou seja, tornozelos, joelhos, quadril e coluna.

A artrose vem com o uso e desgaste normal das articulações (osso com osso); envelhecimento; abuso no uso das articulações com movimentos repetitivos e de impacto; pessoas que carregam peso ou fazem caminhadas em terrenos irregulares.

A dor é o sintoma mais comum e está relacionado com o fato da pessoa precisar se apoiar sobre a perna ou querer se movimentar, quando a artrose está no quadril ou no joelho, após atividades prolongadas como caminhada ou atividades não habituais. Deste modo, a dor tende a piorar ou reaparecer. Durante o dia a dor tende se tornar insuportável, começa a atrapalhar o sono e diminui quando a pessoa repousa.

A intensidade da dor tende a aumentar, se tornando insuportável, pois irá atrapalhar os movimentos e a vida da pessoa, haja vista todas as dificuldades: para se mexer, andar, ficar em pé parado, sentar, subir e descer escadas, colocar meias ou amarrar o cordão do sapato, piorando pela manhã, onde a pessoa está mais rígida e a artrose no quadril está mais forte.

Assim, a pessoa começa a diminuir seus movimentos, não anda mais, procura se mexer menos para não ter dor, pois tudo fica difícil e a musculatura da perna começa a enfraquecer fazendo com que a pessoa adote o uso da bengala e muitas pessoas ainda se movimentam “mancando”, o que traz um grande malefício à coluna.

Desta forma, pessoa com artrose tem dor nas costas, ou melhor, aumenta a lordose (curvatura lombar) compensatória devido à artrose e má postura. Por isso, Pilates vai ajudar muito, fortalecendo a musculatura e, ajudando a manter e melhorar os movimentos e funções do dia-a-dia como: colocar meias, sapatos e amarrar cordões dos sapatos.