Gestação e o
Autêntico Pilates

Diretrizes para uma prática segura
 

Gestação e o
Autêntico Pilates

Diretrizes para uma prática segura

O que Joseph Pilates, o criador da Contrologia ou Método Pilates,
dizia sobre o seu método ser praticado por gestantes?

Para Joseph, as mulheres que não são treinadas no Método não devem praticar Pilates quando engravidam.

Por que Joseph dizia isto?

Há aproximadamente 25 anos chegava ao Brasil o Autêntico Método Pilates, trazido pela educadora física Inelia Garcia. Desde então o método cresceu e ganhou praticantes. Nestes anos, o termo Pilates tornou-se abrangente e popularizou-se. Devido a isto, foram feitas muitas adaptações, alterações e modificações tanto no conceito e princípios do método como na forma autêntica e original de executar os movimentos.

A estrutura original do Método - o Autêntico Pilates ou Contrologia - sem mudanças ou adaptações, é considerada uma atividade intensa e de grande ação sobre a musculatura do core - músculos do centro do corpo, conhecida dentro do Pilates como “power house” ” (que envolvem os músculos abdominais, o períneo - assoalho pélvico - e musculatura das costas). Este conjunto de músculos sofrem muitas as mudanças durante a gravidez, por isso exigir mais dessa região poderá causar muita sobrecarga e consequências indesejadas.

Por que Joseph dizia isto?

Há aproximadamente 25 anos chegava ao Brasil o Autêntico Método Pilates, trazido pela educadora física Inelia Garcia. Desde então o método cresceu e ganhou praticantes. Nestes anos, o termo Pilates tornou-se abrangente e popularizou-se. Devido a isto, foram feitas muitas adaptações, alterações e modificações tanto no conceito e princípios do método como na forma autêntica e original de executar os movimentos.

A estrutura original do Método - o Autêntico Pilates ou Contrologia - sem mudanças ou adaptações, é considerada uma atividade intensa e de grande ação sobre a musculatura do core - músculos do centro do corpo, conhecida dentro do Pilates como “power house” ” (que envolvem os músculos abdominais, o períneo - assoalho pélvico - e musculatura das costas). Este conjunto de músculos sofrem muitas as mudanças durante a gravidez, por isso exigir mais dessa região poderá causar muita sobrecarga e consequências indesejadas.

Receba esse e outros artigos por e-mail.

CADASTRE-SE JÁ EM NOSSA LISTA VIP

Por que iniciei o texto com essa história?

POR GIZELE MONTEIRO

Estudo a fisiologia e biomecânica da gestante há mais de 20 anos. Em 1998 finalizei meu mestrado nessa área, pela Unifesp e venho durante esse tempo ministrando aulas desse tema em cursos de pós-graduação por todo o Brasil.

Segundo as diretrizes do Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia - a maior referência e entidade de orientação para a prática de exercícios para gestantes, a orientação é: “Gestantes sedentárias devem praticar atividades de intensidade leve”. Além disso, também há a recomendação de que exercícios com contrações isométricas envolvendo grandes grupos musculares devem ser evitados.

Apaixonada por este tema, criei e desenvolvo desde 2007 o Personal Gestante, que é um conjunto de movimentos e modalidades adaptadas para que a gestante treine com segurança para ela e seu bebê. Por este motivo estou sempre atenta a iniciativas que envolvam movimento, atividade física ou qualquer tipo de modalidade voltada para a gestante.

Constatei que com o apoio da mídia e a indicação médica, houve aumento da demanda para a prática do Pilates por gestantes, os profissionais de Educação Física e Fisioterapeutas perceberam uma ótima oportunidade de especialização profissional. The Pilates Studio® Brasil no final dos anos 90, já oferecia cursos de certificação com no mínimo 800 horas de teoria e prática do método, porém surgiram muitas outras iniciativas de formação, nem todas com os cuidados necessários para o ensino de uma modalidade tão complexa. Sendo assim, muitos profissionais começaram a ministrar aulas para gestantes, com cursos às vezes de final de semana e mais ainda, sem dominar a fisiologia e biomecânica que envolve a gravidez saudável.


Resultado:
Tenho notado muitos problemas recorrentes com esse grupo de mulheres, sejam as gestantes ou as que acabaram de ter os seus bebês, quando praticam Pilates com profissionais não tão qualificados. Devido a isto, sou acionada constantemente pelo site http://gizelemonteiro.com.br/, por alunas com diástases severas e até mesmo incontinências, solicitando os meus serviços pois a maioria dos casos fogem da normalidade de uma gestação saudável. Pensando na saúde da mulher, também elaborei programa on line, tanto para ser usado por mulheres durante a gravidez quanto no pós-parto que pode ser realizado em casa.

fundo parallax

Os médicos estão certos

A mulher que já pratica o “Autêntico Pilates” a pelo menos seis meses, tem como principais benefícios:

  • Melhora da Postura;
  • Aumento do retorno venoso;
  • Maior eficiência do sistema circulatório e linfático;
  • Mais facilidade para manter o peso corporal ou redução de gordura;
  • Diminuição da tensão muscular e sobrecarga articular;
  • Maior eficiência respiratória;
  • Aumento da consciência corporal e domínio de movimentos.
  • Os médicos estão certos

    A mulher que já pratica o “Autêntico Pilates” a pelo menos seis meses, tem como principais benefícios:

  • Melhora da Postura;
  • Aumento do retorno venoso;
  • Maior eficiência do sistema circulatório e linfático;
  • Mais facilidade para manter o peso corporal ou redução de gordura;
  • Diminuição da tensão muscular e sobrecarga articular;
  • Maior eficiência respiratória;
  • Aumento da consciência corporal e domínio de movimentos.
  • Consequência

    No dia a dia, a mulher sente-se mais disposta, mais bonita menos estressada, com diminuição dos sintomas da TPM, diminuição ou eliminação de dores. Muitas dizem que não incham mais em certos períodos do mês, sentem as pernas mais leves e dormem melhor.

    Quando estas praticantes ficam grávidas, após a liberação médica continuando a praticar o método, os Instrutores do The Pilates Studio® Brasil estão capacitados para modificar e adequar os movimentos para preservar a saúde da gestante e do bebe, cuidando e monitorando toda a aula a saúde da mulher durante este período tão especial.

    Consequência

    No dia a dia, a mulher sente-se mais disposta, mais bonita menos estressada, com diminuição dos sintomas da TPM, diminuição ou eliminação de dores. Muitas dizem que não incham mais em certos períodos do mês, sentem as pernas mais leves e dormem melhor.

    Quando estas praticantes ficam grávidas, após a liberação médica continuando a praticar o método, os Instrutores do The Pilates Studio® Brasil estão capacitados para modificar e adequar os movimentos para preservar a saúde da gestante e do bebe, cuidando e monitorando toda a aula a saúde da mulher durante este período tão especial.

    O que fazer então se você está grávida e não era praticante do Autêntico Pilates?

    Bom, você entendeu que se não praticava o Autêntico Pilates antes, a gravidez não é o momento de iniciá-lo. Também entendeu que não adianta ir com qualquer profissional que diz que aplica Pilates para gestante, pois os riscos são muitos. Essa atividade além de não prepara-la, não ajudará a controlar seu peso e pode te levar a sérios riscos como a diástase e lesões no quadril. Então o que fazer?

    A primeira coisa após a liberação médica é buscar também um profissional especialista nessa área. Nossa indicação é o programa Gravidez em Forma que poderá ajudá-la a seguir na sua gravidez com exercícios seguros e selecionados para cada fase da sua gestação. É um programa online onde você pode fazer na sua casa ou adaptar seus treinos da academia, sendo acessível em qualquer lugar do Brasil ou fora, isto é, você acessa de onde estiver!

    O que fazer então se você está grávida e não era praticante do Autêntico Pilates?

    Bom, você entendeu que se não praticava o Autêntico Pilates antes, a gravidez não é o momento de iniciá-lo. Também entendeu que não adianta ir com qualquer profissional que diz que aplica Pilates para gestante, pois os riscos são muitos. Essa atividade além de não prepara-la, não ajudará a controlar seu peso e pode te levar a sérios riscos como a diástase e lesões no quadril. Então o que fazer?

    A primeira coisa após a liberação médica é buscar também um profissional especialista nessa área. Nossa indicação é o programa Gravidez em Forma que poderá ajudá-la a seguir na sua gravidez com exercícios seguros e selecionados para cada fase da sua gestação. É um programa online onde você pode fazer na sua casa ou adaptar seus treinos da academia, sendo acessível em qualquer lugar do Brasil ou fora, isto é, você acessa de onde estiver!

    A prática do Autêntico Pilates
    após o parto

    Após o parto, a liberação médica e uma avaliação inicial para saber se tem uma diástase, pode-se iniciar a prática do Autêntico Pilates que se revela um poderoso aliado para retornar os órgãos ao local original, recuperar a força e a estética da região abdominal, eliminar acúmulo de líquidos, melhorar autoestima e fortalecer os músculos que foram extremamente sobrecarregados durante estas 40 semanas.

    Se você ao ser avaliada ou realizar uma auto avaliação e identificar uma diástase, deve tratá-la antes de iniciar o Autêntico Pilates. Para saber se você tem uma diástase, pode acionar o site do programa Pós-parto em Forma, onde você receberá um manual gratuito para entender e ter os primeiros passos para solucionar esse problema.

    A prática do Autêntico Pilates
    após o parto

    Após o parto, a liberação médica e uma avaliação inicial para saber se tem uma diástase, pode-se iniciar a prática do Autêntico Pilates que se revela um poderoso aliado para retornar os órgãos ao local original, recuperar a força e a estética da região abdominal, eliminar acúmulo de líquidos, melhorar autoestima e fortalecer os músculos que foram extremamente sobrecarregados durante estas 40 semanas.

    Se você ao ser avaliada ou realizar uma auto avaliação e identificar uma diástase, deve tratá-la antes de iniciar o Autêntico Pilates. Para saber se você tem uma diástase, pode acionar o site do programa Pós-parto em Forma, onde você receberá um manual gratuito para entender e ter os primeiros passos para solucionar esse problema.

    Atenção aos riscos

    Se o profissional não for bem qualificado, além de não colher estes benefícios
    a gestante tem o risco de:

    1º TRIMESTRE:
  • Provocar aborto, devido a contração constante do “power house” o feto pode ser “expulso” do útero.

  • 2º e 3º TRIMESTRES:
    Devido a posição dos exercícios e o acionamento do “power house”, os maiores riscos são:
  • Desenvolver diástese abdominal (o peso do bebe + posição invertida / torcida + ação da gravidade “separa” o reto abdominal);
  • Incontinência urinária (peso do bebe + gravidade + musculatura fraca + diminuição da nutrição local + pressão sobre a bexiga);
  • Parto prematuro – mesmo motivos acima.
  • Atenção aos riscos

    Se o profissional não for bem qualificado, além de não colher estes benefícios
    a gestante tem o risco de:

    1º TRIMESTRE:
  • Provocar aborto, devido a contração constante do “power house” o feto pode ser “expulso” do útero.

  • 2º e 3º TRIMESTRES:
    Devido a posição dos exercícios e o acionamento do “power house”, os maiores riscos são:
  • Desenvolver diástese abdominal (o peso do bebe + posição invertida / torcida + ação da gravidade “separa” o reto abdominal);
  • Incontinência urinária (peso do bebe + gravidade + musculatura fraca + diminuição da nutrição local + pressão sobre a bexiga);
  • Parto prematuro – mesmo motivos acima.
  • Que tal planejar a sua gravidez?

    Sabe o que é ideal? Se você deseja praticar o Autêntico Pilates em sua gravidez, o ideal é que 6 meses antes, inicie a prática do Método. Além de preparar seu corpo para a gravidez, assim que engravidar e obtiver a liberação do médico, você continuará a praticar o Método e colher todos os benefícios para você e seu bebê.

    Sobre a Autora

    Gizele Monteiro

    Mestre pela Unifesp. Idealizadora dos programas online “Gravidez e Pós-parto em Forma”. Já ajudou centenas de mulheres a terem seu peso controlado na gravidez e seus corpos de volta após a gravidez. Tem sido referência e pioneira em cuidar da diástase com seu Método de exercícios especializados